A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO SEXUAL ENTRE OS JOVENS NO BRASIL

A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO SEXUAL ENTRE OS JOVENS NO BRASIL

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma-padrão da língua portuguesa sobre A importância da educação sexual entre os jovens no Brasil. Apresente uma proposta de ação social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

TEXTO 1

A Educação Sexual tem recebido pouca atenção das políticas públicas e educacionais. Apesar da Lei de Diretrizes de Base – LDB regulamentar que é dever da família e, sobretudo, do Estado favorecer o pleno desenvolvimento do educando e dos Parâmetros Curriculares Nacionais – PCNs (que estudaremos adiante) aborda a sexualidade – Orientação Sexual como um dos temas transversais, as escolas ainda relutam para incluí-la como uma de suas intervenções pedagógicas. Além disso, existem alguns(as) professores(as) que acham esse assunto incômodo e complexo e que eles devem ser transmitindo por uma pessoa “capacitada”. Por que, então, não se tornar essa pessoa “capacitada”? A possibilidade que a criança e o(a) adolescente têm de falar sobre a sexualidade abre um canal para a construção de seus conhecimentos. Cabe ao(à) educador(a) mediar o aprendizado através de músicas, histórias, poesias, filmes. E, facilitar o clima de descontração e ludicidade.


Falas como: “Preciso ter mais esclarecimentos para poder responder de forma correta meus alunos”; “Gostaria de uma especialização”, “Eu me sinto muito insegura em lidar com o tema”, “Preciso vencer meus preconceitos”, “As perguntas das crianças me surpreendem” mostram que hoje há interesse de muitos educadores em atender seus alunos e alunas na questão da sexualidade. Porém, é preciso ter mais esclarecimentos e formação no tema.

“A sexualidade é construída, basicamente, a partir das primeiras experiências afetivas do bebe com a mãe e com o pai ou com quem cuida dele. Seguem-se as relações com a família, amigos, e as influências do meio cultural. A capacidade da mãe de tocar o filho, aconchega-lo, acolhê- lo psicologicamente, será a base para o desenvolvimento da resposta erótica e da capacidade e construir vínculos amorosos e do desejo de aprender.”(GTPOS, 1994, p. 7).

TEXTO 2

A educação sexual no Brasil ainda não é um assunto fácil de ser discutido. Em um país de dimensão continental, não só zonas mais rurais e no interior, mas também as principais capitais enfrentam questões culturais, políticas e religiosas que interferem no esclarecimento da sexualidade.

A repórter Eliane Scardovelli foi até Codó, município maranhense de 80 mil habitantes, onde a menstruação é um tabu. Ela acompanhou o trabalho da Plan International, uma organização não governamental, que instrui moradores da cidade sobre conceitos de higiene básica, saúde menstrual e hábitos de vida saudável para crianças e adolescentes.

https://g1.globo.com/profissao-reporter/noticia/2019/06/27/educacao-sexual-ainda-e-tabu-no-brasil-e-adolescentes-sofrem-com-a-falta-de-informacao.ghtml