O TRABALHO ESCRAVO NO BRASIL DO SÉCULO XXI

O TRABALHO ESCRAVO NO BRASIL DO SÉCULO XXI

A partir da leitura dos textos motivadores e com base nos conhecimentos construídos ao longo de sua formação, redija texto dissertativo-argumentativo em norma-padrão da língua portuguesa sobre o tema:  O trabalho escravo no brasil do século XXI. Apresente proposta de ação social que respeite os direitos humanos. Selecione, organize e relacione, de forma coerente e coesa, argumentos e fatos para defesa de seu ponto de vista.

TEXTO 1



https://g1.globo.com/economia/trabalho-escravo-2014/platb/

TEXTO 2

Dados do Ministério do Trabalho (MTE) mostram que, desde 1995, mais de 53 mil trabalhadores foram libertados da condição degradante no país. Essas informações, coletadas pelo MTE ao longo de mais de 20 anos de fiscalização, foram compiladas no Radar do Trabalho Escravo, revelando que dos 15 municípios com mais autos de infração lavrados, dez deles estão na região amazônica, todos no estado do Pará. Já as atividades econômicas que mais exploram esse tipo de mão de obra estão relacionadas ao agronegócio, como a criação de gado e os cultivos de soja, de cana-de-açúcar e de café, por exemplo.

A partir do estudo do projeto Escravo Nem Pensar, é possível ter uma noção melhor do perfil dessa escravidão moderna.  A maioria são homens, quase 95% dos resgatados, com idade entre 18 e 44 anos (83%), com pouca escolaridade (37% frequentaram até a 5ª série) ou analfabetos (30%), e migrantes – oriundos de estados como o Maranhão (23%), Pará (10%) e Bahia (9%).

Disponível em: http://www.comciencia.br/escravidao-contemporanea-atinge-milhoes-e-pode-ser-combatida-com-auxilio-da-tecnologia/